Total de visualizações de página

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Ninguém nunca entendeu, ela entenderia por qual motivo ? Se eu sou o que sou hoje, existem culpados,eu era feliz briguenta, respondona mas feliz, eu tinha amigas que eu inocentemente julgava eternas, mas dai ele destruiu meus sonhos foi embora sem nem se importar se eu estava chorando me fez eu passar o pior momento da minha vida e eu era só uma menininha , e eu que o julgava meu herói , de herói ele não tinha é nada, eu me fechei para o mundo perante os outros eu era mal-humorada, minha eternas amigas há essas pelo visto não me conheciam tão bem, pois se me conhecessem não teriam me virado as costas no momento em que eu mais precisava, quando as coisas começaram a se arrumar eis que surge o príncipe no cavalo branco *kkk*,por ele eu me distancie das minhas duas únicas amigas que restaram, fiz coisas que julgava erradas e o pior entreguei-lhe o meu coração e ele me isolo de tudo me tratava como um animal raro mantido em cativeiro e outra vez derramei muitas lagrimas , no fim enxerguei que ele não entendeu que eu sou tão humana quanto ele só que eu sofri muito antes dele aparece na minha vida e depois que ele me deixou sozinha a juntar os destroços que sobraram do meu mundo, eu nunca mais acreditei em felicidade plena, pois os vestígios de esperança que eu ainda tinha ele fez questão de destruir.

(Michelle F. Lubacheviski)

Nenhum comentário:

Postar um comentário